Notícias

13/02/2014 07:07

TREM de PASSAGEIROS sem RETORNO

   SANTA MARIA – PORTO ALEGRE  04 de fevereiro de 1996 Os pátios anexos à ESTAÇÃO FÉRREA PESTANA do Bairro Navegantes de Porto Alegre eram o ponto logístico e as oficinas da Viação Férrea do Rio Grande do Sul (VFRGS). O trem havia sido concebido para operar ao ritmo linear das...
12/02/2014 05:19

As LÁGRIMAS do COMANDANTE

O comandante RUBEN MARTIN BERTA (1907-1966) tem todos os motivos para ir até as lágrimas. A sua  herma é índice de sua tristeza, abandono e verte lágrimas na frias e úmidas madrugadas na Rua 18 de Novembro no Bairro Navegantes de Porto Alegre. O final da sua vida coincidiu não só com o...
11/02/2014 07:28

ARTESÕES do BAIRRO NAVEGANTES e o USO do VIDRO.

  CASA GENTA-SCHMIDT  O vidro está cada vez mais presente na vida humana. Ele foi matéria prima para os egípcios e para a cultura artesanal dos pragmáticos romanos. Reintroduzido na Europa pelos muçulmanos foi o esplendor da luz colorida e mística do templo medievais.  No início do...
10/02/2014 07:12

ARTESÕES do BAIRRO NAVEGANTES COLOREM a LUZ.

  HANS VEIT (1898-1985)  A milenar arte do vitral e da cerâmica foi exercida por  artistas e artesões que instalaram seus ateliers e oficinas no bairro Navegantes. Um entre tantos foi o Hans Veit. Ele era herdeiro de uma tradição familiar na fabricação de vitrais e exímio artista da...
09/02/2014 07:13

ARTESÕES do BAIRRO NAVEGANTES PERPETUAM EVENTOS

  ROMANO REIF  Os artistas e artesões instalaram seus ateliers e oficinas no bairro Navegantes. Eles respondiam cenário da implantação da era industrial em Porto Alegre. Entre eles estava o toreuta Romano Reif. Ele foi responsável por numerosos quadros de formatura em diversos...
08/02/2014 08:36

A ESTÉTICA da DECADÊNCIA

O colapso da era industrial em Porto Alegre é evidente no bairro Navegantes. No uso, na reinterpretação e readaptação dos seus imóveis a decadência deixou camadas sobre camadas. Índices perceptíveis nas cores soturnas e gastas pelas intempéries, pela degradação dos materiais e pelas camadas de...
07/02/2014 07:05

Uma GUERRA começa e termina numa MESA.

  A cultura de um povo se conhece pela sua mesa. É sobre ela que se dividem os gostos, explodem as intrigas e traições e é sobre elas que se tenta consertar os cacos resultantes das pelejas. Mas também nesta mesa conservam-se, se multiplicam e se atualizam hábitos civilizados. Nesta mesa...
06/02/2014 07:39

BURGO SEM ÁGUA.

  A História não existe como um ente separado. Ela possui manifestações e expressões. Estas manifestações são realizadas preferencialmente por meio de narrativas orais, escritas ou icônicas. Os amadores discutem as estratégias destas narrativas. Os profissionais preferem a logística destas...
05/02/2014 04:46

TUDO o QUE É SÓLIDO DESMANCHA no AR .

  O bairro Navegantes foi o cenário da implantação, do apogeu e do colapso da era industrial em Porto Alegre. O trágico evento das primeiras horas da tarde de 03 de maio de 1971 constituiu um ruidoso momento deste colapso da era industrial do bairro Navegantes.  A ruidosa e trágica...
04/02/2014 07:03

A ESCOLA do 4º POSTO.

  “... uma das mais singulares escolas: a do 4º Posto. Corria o ano de1920. A promoção era do Delegado de então, ali atuando por longo tempo, o Major Hercules Limeira, homem de admirável espírito publico. [..] A escola do 4} posto era de um professor só. O primeiro a lecionar naquela sala da...

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode