VIOLÊNCIA, SIM ! TRUCULÊNCIA, NÃO !

25/11/2013 08:17

 

Cortar o caminho, prender, julgar e tirar a liberdade de delinquentes é uma VIOLÊNCIA. O PODER ORIGINÁRIO transfere ao Estado - em todas as nações e culturas civilizadas - o exercício desta VIOLÊNCIA. Esta VIOLÊNCIA não pode ser entendida e praticada como um  MITO e  cuja institucionalidade também NÃO PODE SER NATURALIZADA. MITO e NATURALIDADE  a corromperia em simples TRUCULÊNCIA legal ou em LINCHAMENTO sumário. Cabe ao Estado implementar  e colocar ao alcance do transgressor  meios para que este reconheça, contorne e se desvie da conduta delituosa antes de cortar caminho, prender, julgar e tirar a liberdade de um delinquente. Assim cabe ao Estado possuir e implementar PROJETOS CIVILIZATÒRIOS COMPENSADORES da VIOLÊNCIA cujo exercício o PODER ORIGINÁRIO lhe transfere contratual e legalmente. Neste contrato - ou pacto institucional - jamais o potencial delinquente e  transgressor pode alegar, em sua defesa, que não teve ao seu alcance, antes do seu desvio de conduta, a escola, o esporte e a arte socialmente aceita.

 

O ESTADO e o PROJETO CIVILIZATÓRIO COMPENSADOR da sua VIOLÊNCIA

https://profciriosimon.blogspot.com.br/2012/02/isto-e-arte-020.html

 

PROCESSO diferente de PROJETO

https://www.poder-originario.com/news/processo-distinto-de-projeto-civilizatorio/

 

PROJETOS CIVILIZATÒRIOS COMPENSADORES

https://www.poder-originario.com/news/vazio-de-um-projeto-civilizatorio-compensador-da-viol%C3%AAncia/

 

 

DENÚNCIAS de CONTRATOS DESCONSIDERADOS

https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/tag/truculencia/

https://blog.tribunadonorte.com.br/marcoslopes/truculencia-e-despreparo-de-pms-resultam-em-violencia-contra-imprensa/97489

 

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode