SER e TEMPO

06/08/2016 07:17

O TEMPO, a HISTÓRIA e a IMAGEM.

 

Passado, presente e futuro estão atravessados e pertencem à mesma torrente do TEMPO. Esta torrente do TEMPO, que a  tudo e a todos arrasta, constitui um contínuo. Todo contínuo pode ser dividido em infinitas partes, na concepção de Leonardo da Vinci. Como todo fractal carrega  e se constitui em infinitos fractais.

O ponto da percepção humana sempre está localizado no presente. A atenção necessário a este instante presente fez com que Marc Bloch escrevesse (1976, p.42)[1] que:

   É tal a força da solidariedade das épocas que os laços da inteligibilidade entre elas se tecem verdadeiramente nos dois sentidos. A incompreensão do presente nasce fatalmente da ignorância do passado. Mas talvez não seja mais útil esforçar-nos por compreender o passado se nada sabemos do presente

O fractal - do instante presente - interessa na sua particularidade da mesma forma do que o conjunto ao qual este instante presente que reproduz as circunstâncias do TODO ao qual ele pertence.

 O olhar humano para perceber o movimento deste tempo reparte, no mínimo, em 25 imagens por segundo. Isto permite o movimento no cinema e TV. Cada imagem carrega a identidade do contínuo da mesma forma como o fractal pertence ao conjunto. Assim uma imagem como Mona Lisa e composto de incontáveis pontos. O conjunto  permite a formação das imagens através dos grãos de sal das fotos analógicas e, hoje, por meio dos pixels da imagem digital.

 

HEIDEGGER, Martin (1889-1979) .Ser e tempo.  Tradução de Fausto Castilho. Campinas, SP: Editora da Unicamp – Petrópolis, RJ: Vozes. 2012. Texto bilíngue, 1199 p

 

IMAGEM _ TEMPO - HISTÒRIA

https://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/sentir-o-tempo-e-ver-a-historia-nas-imagens-332932

https://fabiopestanaramos.blogspot.com.br/2010/12/historiografia-e-espacialidades.html

YACEK YERBA

https://obviousmag.org/archives/2008/01/os_mundos_de_fa.html

Imagem em:

https://obviousmag.org/archives/2008/01/em_quanto_tempo.html

FACEBOOK

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10202420488510966&set=a.3584675712991.1073741826.1756223351&type=3&theater

 



[1]              BLOCH, Marc (1886-1944)  . Introdução à História.[3ª ed] Conclusão de Lucian FEBVRE - .Lisboa :Europa- América  1976  179 p.

 

 

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode