O SENTIDO do PRESENTE

06/11/2013 08:58

 

A passagem do TEMPO é uniforme e implacável para tudo e para todos. O fazer da pessoa humana não difere do fazer do rebanho e do trabalho do enxame de inseto quando entregue ao processo da Natureza  e sem condições de refletir sobre as suas circunstâncias. O passo além destas condicionantes naturais inicia pelo  projeto, prossegue pelo contrato com o outro e culmina na avaliação da antes, durante e após qualquer ação. O tempo presente ganha sua dimensão civilizatória na intensidade e consciência do projeto. Um PROJETO possui no  mínimo quatro dimensões: 1ª- torna histórica a pessoa e o grupo; 2ª gera e orienta a  base de um contrato  interno com externo ao grupo; 3ª cria a base dos instrumentos de avaliação e 4ª distingue o não consumido como OBRA enquanto o TRABALHO  é transitório e é consumido  pelo TEMPO.

 

AGIR diferente de FAZER

https://www.poder-originario.com/news/agir-distinto-de-fazer-/

 

PROJETO diferente de PROCESSO

https://www.poder-originario.com/news/processo-distinto-de-projeto-civilizatorio/

 

OBRA diferente de TRABALHO

https://www.poder-originario.com/news/obrar-distinto-de-trabalhar-/

 

CONTRATOS em PERMANENTE ATUALIZAÇÃO

https://prof-cirio-simon.webnode.com/blog/

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site gratuitoWebnode