O ESCRAVO como VENCIDO

24/07/2022 09:21

O ESCRAVO como VENCIDO.

Enquanto os chefes e lideres são justiçados, a sua população, os seus seguidores e os seus fiéis amigos, são transformados em ESCRAVOS e reduzidos a COISAS (RES) a serem explorados a sem dó ou sem piedade ao livre arbítrio dos vencedores,

Evidente que exitem infindáveis maneiras e formas do vencedor transformar o OUTRO em ESCRAVO e reduzi-lo a COISA (RES) explorá-lo ao seu livre arbítrio, sem dó ou sem piedade

Entre estas a ESCRAVIDÃO tecnológica, a obsolescência programada as custas do consumidor ou coerção psicológica, moral ou física são outra tantas formas de ESCRAVIDÃO explicita, compulsória ou subliminar.

O cúmulo da ESCRAVIDÃO acontece quando alguns ingênuos se antecipam a esta condição de abdicar de deliberar, de decidir e se transformam, a si mesmos, em SERVOS VOLUNTÁRIOS

O ESCRAVO é o vencido, o aprisionado e quem perde a condição de deliberar e decidir sobre o seu corpo, sua mente, seu trabalhos e é impossibilitado de exercer a sua autonomia. A recompensa deste ESCRAVO - e deste SERVO VOLUNTÁRIO - é que os seus atos perdem qualquer sanção moral e responsabilidade contratual.

Assim o ESCRAVO e o SERVO VOLUNTÁRIO NÃO FAZEM ARTE pois a sua obra carece de autoria que sempre é atribuída ao VENCEDOR

Imagem Jean Baptiste BIARD fotografando escravo

https://digital.bbm.usp.br/bitstream/bbm/3795/1/002856_IMAGEM_156.jpg

FACE BOOK

https://www.facebook.com/photo/?fbid=1458189021296912&set=a.705103509938804

 

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode