DIFERENTES CRENÇAS no ESTADO NACIONAL

31/05/2016 07:33

DIFERENTES CRENÇAS no ESTADO NACIONAL.

Existe uma grande variedade de expressões de CRENÇAS no ESTADO NACIONAL. Um britânico nasce, vive e morre no âmbito de um tipo de CRENÇA nos SEU ESTADO NACIONAL. Quando um ESTADO NACIONAL é construído de fora para dentro por uma ou mais potencias externas não possui a mínima crença neste ARRANJO ARTIFICIAL.

 Um habitante deste ARRANJO ARTIFICIAL o percebe como mais um evento, como um bloco de carnaval ou uma conveniência enquanto lhe é favorável e dá lucro.

Este ARRANJO ARTIFICIAL constitui mero formalismo jurídico, legislativo e nada funciona ou prospera. Qualquer pacto social, econômico ou social carece de um contrato digno digno deste nome.

Este ARRANJO ARTIFICIAL resta a única alternativa da tirania, do colonialismo e da escravidão.

A ação humana, neste ARRANJO ARTIFICIAL, leva a falta total da ética. Kant vinculou a vontade da ação humana com a moralidade e a autonomia, ao afirmar na Crítica da Razão Prática (Livro I, teorema IV), que “a vontade possui moralidade no limite da sua autonomia” , o que faz com que a ação, o pensamento e os sentimentos   do cidadão seja tolhida permanente no limite da falta da sua autonomia no âmbito deste ARRANJO ARTIFICIAL

Imagem: https://naofoinogrito.blogspot.com.br/2014/12/108-nao-foi-no-grito.html

FACEBOOK

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10202181884546016&set=a.10202181884386012.1073742852.1756223351&type=3&theater

 

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode