ATREVER-SE a PENSAR

23/04/2018 02:43

ATREVER-SE a PENSAR.

No BRASIL COLONIA e REINO UNIDO o maior perigo que alguém podia  se expor era ATREVER-SE a PENSAR

Muito sofreram na  mente, na pele e até foram mortos por ATREVER-SE a PENSAR Em 1817  José Peregrino teve as mãos, os braços, os pés e penas decepadas em vida, depois foi enforcado e a s suas mão e cabeças expostas em praça publica na Paraíba. O CRIME HORROROSO cometido, por este jovem de 19 anos, foi ATREVER-SE a PENSAR em LIBERDADE para sua PÁTRIA.  Este CRIME poderia colocar em PERIGO a CORTE LUSITANA e TODOS os seus SÓCIOS.  Para pagar este CRIME HORROROSO nada melhor do que  demonstração pública da FORÇA a mais sanguinária possível com o objetivo de imunizar todo o BRASL de ATREVER-SE a PENSAR em LIBERDADE.

Se isto acontecia com o súditos, para os escravos era absolutamente impossível ATREVER-SE a PENSAR;.  Quando o dono da “PEÇA” desconfiava que num infeliz ainda sobrava algum pensamento, após os trabalho desumanos, a chibata e o tronco expurgavam da mente deste ser humano qualquer  ATREVIMENTO de PENSAR por seu PRÓPRIOS NEURÔNIOAS.

As “PEÇAS” eram bem nutridas - e até bem trajadas - para uma eventual fotografia. Porém estas “PEÇAS ANÔNIMAS”  NÂO PODIAM APARECER SORRINDO na FOTO e usar CALÇADOS. A FOTO era apenas a propaganda de um “LOTE de PEÇAS ANÔNIMAS”  NÂO PENSANTE. Assim eram OFERECIDOS como  uma MERCADORIA DOMESTICADA e PRONTA para  alimentar este comercio “legal”.

O BRASIL pagou bem caro este controle do ato de  ATREVER-SE a PENSAR  Até o presenta continua a vigência do COLONIALISMO FILOSÓFICO EUROPEU. Este EUROPEU admite eventualmente a mistura de algum pensamento oriental e islâmico. No entanto só na proporção em que o europeu aprova este PENSAMENTO EXÓTICO. Admite e legitima este outro pois está há muito tempo domesticado. Ato de complacência com o objetivo de RESSALTAR a sua “BONDADE” com quem SE ATREVE a PENSAR ao modo dos DONOS do PODER.  “BONDADE” como esplendor de sua PRÓPRIA PROJEÇAO  e a COMPLEMENTARIDADE oportuna para uma nova fase de DOMÍNIO COLONIAL e SERVIL.

 

FOTOS de ESCRAVOS

https://br.pinterest.com/pin/33073378491509912/

+

https://portalconservador.com/10-raras-fotografias-de-escravos-brasileiros-feitas-150-anos-atras/

+

https://www.historia.seed.pr.gov.br/modules/galeria/detalhe.php?foto=14&evento=1

 

José PEREGRINO

https://www.agendaparaiba.com/a-rendicao-de-peregrino-de-carvalho-restauracao-de-uma-tela-historica/

https://naofoinogrito.blogspot.com.br/2017/06/152-nao-foi-no-grito.html

https://naofoinogrito.blogspot.com.br/2017/06/152-nao-foi-no-grito.html

https://naofoinogrito.blogspot.com.br/2017/07/153-nao-foi-no-grito.html

https://naofoinogrito.blogspot.com.br/2017/09/156-nao-foi-no-grito.html

FACE BOOK

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10205015747630822&set=a.3584675712991.1073741826.1756223351&type=3&theater

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode