90 ANOS da PEDRA no CAMUNHO

01/07/2018 01:16

01.07.2018

NOVENTA ANOS da “PEDRA no MEIO do CAMINHO”.

A REVISTA da ANTROPOFAGIA publicou, no seu número de julho de 1928,  a poesia “HAVIA uma PEDRA no MEIO do CAMINHOde Carlos Drummond da ANDRADE. (1902-1987)   .

Sem mencionar as PEDRAS ECONÔMICAS, CULTURAIS e SOCIAIAS as PEDRAS POLÌTICAS foram tomando forma no CAMINHO DO BRASIL. A Revolução de 1930. O ESTADO NOVO, a LEGALIDADE, o PARLAMENTARISMO, O GOLPE de 1964. Os GOVERNOS FANTOCHES tomaram a CARA da PEDRA no MEIO do CAMINHO do BRASIL

Esta PEDRA - colocada no MEIO do CAMINHO do BRASIL - consternou e provocou muitas CARAS FEIAS.  Estas  FEIÇÔES amargas e despojadas da vulgar PEDRA no MEIO do CAMINHO  não SURPREEU o PODER ORIGINÁRIO pois estava acostumado com muitas coisas PIORES vindas do DONOS do PODER....

Mostra-se aqui a EDIÇÂO ORIGINAL para destacar os BRANCOS, os EPAÇOS e VAZIOS e o  SILÊNCIOS visuais da “PEDRA no MEIO do CAMINHO”. A diagramação visual original antecipava, em décadas,  os NEO-CONCRETISTAS com a sua ênfase nos recursos tipográficos disponíveis da PALAVRA IMPRESSA.

 

Carlos Drummond da ANDRADE.

https://es.wikipedia.org/wiki/Carlos_Drummond_de_Andrade

 

Imagem: REVISTA de  ANTROPOFAGIA - Ano 1-  nº 3  p. 01 - julho de 1928 NO MEIO DA CAMINHO Carlos Drummond da ANDRADE.     https://digital.bbm.usp.br/bitstream/bbm/7064/1/45000033273.pdf

 

FACE BOOK

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10205256946540644&set=a.3584675712991.1073741826.1756223351&type=3&theater

 

 

 

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode