A MITIFICAÇÂO do PRESENTE

04/12/2020 06:24

A MITIFICAÇÂO do PRESENTE

 

 O refúgio no INSTANTE PRESENTE fecha as portas ao PASSADO e atropela o FUTURO. Este FUTURO será certamente diferente do PRESENTE. PASSADO que se torna INUTIL e que só estorva a atrapalha o projeto de alguém ONIPOTENTE, ONISCIENTE, ONIPRESENTE e ETERNO, refugiado na sua torre de marfim e preso ao SEU  INSTANTE PRESENTE.

A entrada em cena do implacável COROVIRUS, em 2020, demonstrou fartamente a falácia dos  refugiados e presos ao SEU  INSTANTE PRESENTE. A reação destes foi de descrença diante do CORONAVIRUS. OUTROS entraram em pânico enquanto uns poucos aproveitaram a sua experiência passada tornando-se mais SÀBIOS, HUMILDES, REALISTAS e tirando real proveito deste sobressalto

Diante da investida implacável do CORONAVIRUS os chavões “MODERNIDADE” e “CONTEMPORANEIDADE” foram mais uma vez esvaziadas de sentido. Para quem desqualifica, torna arcaico e inoperante qualquer conexão com o seu próprio PASSADO e cria um FUTURO sem sentido, resta a única opção de se refugiar no INSTANTE PRESENTE e mitifica-lo

O REMÉDIO para os MITIFICADORES PRESENTISTAS, ainda não empedernidos, encontra-se no registro de Marc Bloch (1976, p.42.) de que:

”é tal a força da solidariedade das épocas que os laços da inteligibilidade entre elas se tecem verdadeiramente nos dois sentidos. A incompreensão do presente nasce fatalmente da ignorância do passado. Mas talvez não seja mais útil esforçar-nos por compreender o passado quando nada sabemos do presente.

A constatação, deste historiador de escol, foi escrita, por ele,  algumas horas ante de ser fuzilado. Como historiador de elite, ele estabeleceu uma visão de conjunto do PASSADO, do PRESENTE e do FUTURO interligados no TEMPO.

BLOCH, Marc (1886-1944)  . Introdução à História.[3ª ed] Conclusão de Lucian FEBVRE - .Lisboa :Europa- América  1976  179 p.

 

AS INFECÇÔES com CORONANURUS SÒ AUMENTAM

Liveticker zum Coronavirus: Wieler: „Es infizieren sich immer noch zu viele Menschen“ (faz.net)

 

Imagem: INTRODUÇÂO à HISTÓORIA

A Busca pela Sabedoria: Introdução à História – Uma obra sem ponto final de Marc Bloch

FACE BOOK

https://www.facebook.com/photo?fbid=1066400377142447&set=a.705103509938804

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode