POVO é NÙMERO

25/12/2014 07:19


POVO CONTA: MAS NÃO FAZ SENTIDO.

Num pais no qual a quantidades substitui a qualidade o seu povo é reduzido
a um número após ser disputado, transformado em prosélito e eleitor. Este mesmo
POVO NÃO FAZ MAIS o MENOR SENTIDO após o conquistador de plantão obtenha o
número de votos, ter enchido as suas burras e as contas do banco.  O ELEITO, o INDINHEIRADO e o BENEFICIADO,
FECHAM-SE em ALTOS MUROS, GRADES e é GUARDADO por um EXÉCITO de zelosos SEGURANÇAS.
 A FONTE deste PODER - deste VOTO, deste
DINHEIRO e desta CONFIANÇA - é encurralada pela DESCONFIANÇA, pela POBREZA,
pela falta de VOZ e de VEZ. O ELEITO, o INDINHEIRADO e o BENEFICIADO - com esta
barreira intransponível - NÃO QUER TER MAIS O MENOR CONTATO COM O QUEM ORIGINOU
O SEU PODER, SUA GLÓRIA E BEM ESTAR. Os excluídos repartem entre si o pão
amargo da miséria moral, social e econômica enquanto o conquistador de plantão
os desqualifica como criminosos.


Na reação contrária, a miséria - moral, social e econômica - desata todos
os laços e qualquer sanção moral diante deste quadro de desqualificações. O
PODER ORIGINÁRIO recomeça a avalancha da REVOLUÇÃO FRANCESA com o objetivo de RECONQUISTAR
o que UM DIA LHE PERTENCEU.


.


SERMÃO aos
PEIXES de Pe. Antônio VIEIRA


https://www.youtube.com/watch?v=_LUJVOJMRr0


https://www.youtube.com/watch?v=CDxNp3sRf9E


 


Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode