GRÉCIA

26/06/2015 07:12

¿ - PARA ONDE CORRE  ESTA GRÉCIA  ?

Mais uma utopia centralista está chegando ao seu fim melancólico. A Grécia contemporânea é uma periferia e um peão maltratado pelo centralismo europeu. A Grécia contemporânea foi inventada pelos britânicos que “a retiraram do jugo dos malvados otomanos” em nome de uma civilização preservada pela literatura árabe.

Na contramão desta sabedoria milenar  a indústria inglesa, seus bancos e os seus armadores necessitavam mais um extremo de mais um continente e uma bandeira para desovar seguramente e vender os produtos de suas máquinas. O romantismo sustentou a ideia. Lord Byron  sumiu neste torvelinho. Com este sacrifício do “SEU QUERIDO POETA” os ingleses tinham mais uma razão para sustentar os seus comerciantes. Os franceses intervieram e sustentaram a ideia. Eugênio Delacroix pintou o Massacre de Scio como prova da “atrocidade” do inimigos a ser combatido sem dó e misericórdia. Lord Elgin aproveitou a ocasião para “salvar” o Parthenon ...em Londres no Museu Britânico. Parthenon que 50 anos antes foi ao ares como uma granada lançada pelo frota veneziana num ataque frustrado poro do Pireu.

O MITO cede lugar, em 2015, para a NATUREZA.

 

 LORD BYRON (1788-1824)
https://pt.wikipedia.org/wiki/Lord_Byron

 

MASSACRE de SCIO (1824) –  Ferdinand Victor Eugene DELACROIX 1798-1863

https://fr.wikipedia.org/wiki/Scène_des_massacres_de_Scio

 

Imagem:  GRÈCIA PELADA: Manifestante nu diante do Parlamento Grego de  ATENAS – in SPIEGEL .09.10.2012

http://naofoinogrito.blogspot.com.br/2012/10/nao-foi-no-grito-053.html

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode