ELEITOR: - ¿ prêmio ou castigo ?.

14/03/2014 05:27

ELEITOR: - ¿ prêmio ou castigo ?.

O ELEITOR pode sentir-se PRINCIPE como detentor das deliberações ou decisões do seu Estado ou da sua instituição. Ou se perceber legitimando as deliberações e decisões de atravessadores  mediadores ou pseudo tuteladores do PODER ORIGINÁRIO. Decisões e deliberações das quais o ELEITOR nunca participou ou interagiu. Decisões e deliberações  que se resumem em preencher cargos cobiçados por estes mesmos atravessadores  mediadores ou pseudo tuteladores. O ELEITOR vítima do maniqueísmo em APROVAR ou NÃO APROVAR decisões e deliberações  dos interesses inconfessados destes atravessadores  mediadores ou pseudo tuteladores. 

 Estes  mediadores e atravessadores o forçam o PODER ORIGINÁRIO  a adotar SÍNTESES naturalizando qualquer falsa eleição. Para confundir o seu ELEITOR os atravessadores  mediadores ou pseudo tuteladores propagam o VOTO como MITO  e panaceia geral na concepção de uma Democracia reduzido à uma síntese forçada. No polo oposto o VOTO é naturalizado.  Fazem acreditar o ELEITOR- ou seu mentor –.que tanto faz, ou não, exercer este seu direito intransferível

No equilíbrio - entre MITO e NATUREZA - é necessário admitir o Estado como construção artificial na qualidade de uma  sociedade fundada sobre uma rede de contratos. Nesta rede de contratos NEM TODOS os CIDADÃOS são ELEITORES. Há uma idade mínima para ser ELEITOR. Excluem-se como ELEITORES aqueles que perderam a liberdade na condição de apenados, ou aqueles no exercício da função como recrutas militares ou estrangeiros.

 

PRINCIPE ELEITOR

http://mozart.infonet.com.br/ArqF_PE.htm

 

ELEITOR PALHAÇO

http://blogdohistoriando.blogspot.com.br/2012/10/nos-os-bobocas.html

 

RECRUTAS e ESTRANGEIROS NÃO VOTAM

http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20120627120618AA0qZjh

 

APENADO NÃO VOTA

http://www.oabgo.org.br/Revistas/36/juridico1.htm

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode