DEVOÇÃO

16/12/2015 05:50

 

DEVOÇÃO

A DEVOÇÂO irrestrita a uma religião, a uma pátria, a um partido ou mesmo ao ateísmo já causaram mais MALEFÌCIOS do que BENEFÌCIOS para a HUMANIDADE.

Quando se trata da PROPORÇÂO e do EQUILIBRIO da PRÁTICA de  uma determinada DEVOÇÂO é necessário ler Guimarães Rosa (1963, p. 18)..

Querer o bem com demais força e de incerto jeito, pode já estar sendo se querendo o mal por principiar. Esses homens ! Todos puxavam o mundo para si, para concertar consertando. Mas cada um só vê e entende as coisas dum seu modo

GUIMARÃES ROSA,  João. Grande Sertão: Veredas. Rio de Janeiro : José Olympio, 1963, 571 p

 

 Antes de se entregar a uma DEVOÇÂO há necessidade de admitir quo seu objeto é um CONSTRUÇÂO HUMANA mesmo que ela esteja sob a capa de uma LONGA TRADIÇÂO CULTURAL.

As melhores e louváveis intenções são corrompidas subliminarmente pela DEVOÇÂO ao PODER, ao DINHEIRO e à FAMA.

Porém respeitados os limites e as competências  do bem comum de uma coletividade - ninguém pode ser impedido, patrulhado ou castigado por se entregar consciente e de boa fé a uma determinada DEVOÇÂO.

 De outra parte, o INFERNO é uma construção absolutamente pessoal e digna de quem o cria. -

Imagem AMERICAN HERITAGE 1963 -Vo5 p.399   -  A BASE do DESPOTISMO

FACE-BOOK

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10201558870691059&set=a.10201558870571056.1073742678.1756223351&type=3&theater


Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode