COLONIALISMO e ESCRAVIDÂO CONTINUAM no BRASIL

02/08/2014 05:33

O SISTEMA COLONIAL e a ESCRAVIDÂO BRASILEIRA NÃO TERMINARAM em 1822

O PODER ORIGINÁRIO BRASILEIRO ainda vive e respira o CLIENTELISMO ATIVO e PASSIVIO da ESCRAVIDÃO e da HETERONOMIA. CLIENTELISMO da inteligẽncia, vontade e sensibilidade do requentado SISTEMA COLONIAL.

O evento do dia 07 de setembro de 1822 não terminou com a escravidão legal. O PODER ORIGINÁRIO da NAÇÃO permaneceu anestesiado com os hábitos subliminares do SISTEMA COLONIALISMO, do MILITARISMO e de uma reduzida casta de PRIVILÀGIADOS pelo acumulo do TRABALHO SERVIL.

A pseudo EDUCAÇÂO BRASILEIRA é facilmente reduzida para a instrução e a doutrina. Desta INSTRUÇÂO descamba para o TREINAMENTO das MÃOS, da INTELIGÊNCIA e para o CONDICIONAMENTO da SENSIBILIDADE do NEO-ESCRAVO.

É VISIVEL E é EVIDENTE para todos os brasileiros que as sua UNIVERSIDADES não PASSAM de CURSOS SUPERIORES anacrônicose para cuja MANTENÇÃO não FALTAM CANDIDATOS interessados...

As TRINTA MOEDAS ...

http://www2.correiodopovo.com.br/Noticias/?Noticia=531850

http://coral.ufsm.br/midia/?p=18784

http://polibiobraga.blogspot.com.br/2014/07/santander-reune-1103-reitores-de-33.html?showComment=1406663247306

 

A ESCRAVIDÃO BRASILEIRA NÃO FOI ABOLIDA no GRITO

http://naofoinogrito.blogspot.com.br/2014/04/091-nao-foi-no-grito.html

http://www.poder-originario.com/news/a-escravid%C3%A3o-n%C3%A2o-foi-abolida-no-grito-/

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode