A ARTE com a sua OBRA e a COMUNICAÇÃO com o TRABALHO

02/12/2013 08:01

Comporte-se como JOVEM - CALE-SE... -Paris 01.05.1968. Reprodução do Le Monde  - maio de  2008

O TRABALHO é destinado ao consumo, a OBRA permanece. A partir deste principio os comunicadores, os marqueteiros,  os atravessadores e os  mediadores sabem que necessitam TRABALHAR e FAZER de TUDO no MENOR TEMPO POSSÌVEL,  pois todos os seus produtos são perecíveis e datados. A sua vítima preferida é o ARTISTA. Este no seu AGIR ponderado cria a sua OBRA, confia e até entrega aos comunicadores, aos marqueteiros, aos atravessadores e aos mediadores.  Estes, sem ética ou moral, mantém o artista colonizado na servidão produzindo OBRAS que permanecem e são fontes de lucros permanentes e crescentes. Se um dos artistas descobre a falcatrua, existe um cortejo de outros que se apresenta voluntariamente aos comunicadores, aos marqueteiros, aos atravessadores e aos  mediadores  e candidata, de bom grado, para ocupar o  lugar da vítima.

 

ARTE  X COMUNICAÇÂO

http://profciriosimon.blogspot.com.br/2011/06/isto-nao-e-arte-21.html

 

O BRASIL DESQUALIFICADO pelo NYT em 30.11.2013

http://www.nytimes.com/2013/11/27/world/americas/a-tale-of-love-taxes-and-bribery-entrances-brazil.html?src=recg

 

INGLESES DESQUALIFICANDO NORTE-AMERICANOS

http://www.theguardian.com/artanddesign/gallery/2011/jan/02/photography-detroit#/?picture=370173054&index=0

http://profciriosimon.blogspot.com.br/2013/09/008-expressoes-de-autonomia-na-arte.html

 

FRANCESS QUEREM os CARGOS,  mas NÂO as FUNÇÕES

http://www.latribunedelart.com/les-musees-sont-en-crise

Laurent Gervereau

 

SUBINDO a QUALQUER PREÇO

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/11/1375760-mulheres-de-auditor-investigado-querem-capitalizar-fama.shtml

Contato

Poder Originário

prof.cirio.simon@gmail.com

Travessa PEDRO AMÈRICO nº 28 ap.11
Bairro São João - PORTO ALEGRE -RS
90.550-100

SEM TELEFONE

Pesquisar no site

© 2013 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode